Em 11 rodadas, São Paulo supera pontuação do primeiro turno de 2017
publicidade

Em 11 rodadas, São Paulo supera pontuação do primeiro turno de 2017

0 0 0 0
A histórica e inédita vitória sobre o Atlético-PR no último sábado, na Arena da Baixada, escancarou a discrepância das campanhas do São Paulo nos últimos dois Campeonatos Brasileiros. Com o triunfo, registrado na 11ª rodada de 2018, o Tricolor ultrapassou a pontuação obtida durante o primeiro turno inteiro da edição 2017 do torneio nacional.



Naquela ocasião, o clube do Morumbi havia somado apenas 19 pontos nas 19 rodadas iniciais. Com cinco vitórias, quatro empates e dez derrotas, encerrou a primeira metade do Brasileirão no 17º lugar, dentro da zona de rebaixamento, da qual escapou apenas na parte final da competição.

Para efeito de comparação, o São Paulo terminou a 11ª rodada da Série A do ano passado com 11 pontos após a derrota por 2 a 0 para o Flamengo, no Rio de Janeiro, resultado que determinou a demissão do técnico Rogério Ceni.

Neste ano, com uma campanha de cinco vitórias, cinco empates e apenas uma derrota, o time dirigido por Diego Aguirre ocupa a terceira posição, com 20 pontos, seis a menos que o líder Flamengo, e tenta chegar na pausa para a Copa do Mundo ao menos no G4 do Brasileiro.

“Não faço um planejamento de pontos. Tento pensar somente no jogo seguinte. Ganhar em casa é mais do que uma obrigação, mas tivemos empates no Morumbi, então tivemos a obrigação de somar pontos fora, como foi contra o América-MG e Atlético-PR. O time mostrou personalidade e organização tática, que foi a base da vitória”, afirmou o treinador uruguaio.

Apesar da boa fase, não faz muito tempo que o Tricolor estava em crise após as amargas eliminações no Campeonato Paulista e na Copa do Brasil. Exigindo mudança de atitude, Aguirre levantou o moral dos jogadores e organizou a equipe em um curto período de trabalho.

“Parece que faz muito tempo que estamos no São Paulo, são tantos jogos. Na semana que vem vou fazer somente três meses como treinador do São Paulo. E as coisas vão bem, cada vez melhor. Pensar que sem o trabalho, sem as condições, o São Paulo estava num lugar que não merecia. Os jogadores têm consciência disso. Foi trabalhar e dar confiança a todos”, analisou.

Em seu derradeiro compromisso antes da ‘intertemporada’, o Tricolor enfrentará o Vitória, na próxima terça-feira, às 21h30 (de Brasília), no Morumbi. O primeiro duelo após o Mundial da Rússia será diante do Flamengo, no dia 18 de julho, no Rio de Janeiro.
E MAIS: Empresário ofereceu Dario Benedetto ao São Paulo

CLIQUE AQUI

Veja as novidades do SPFC no vídeo abaixo

SPFC ULTIMAS NOTÍCIAS: Hernanes e Ganso; Marlos Moreno; Ezequiel Barco e mais! - Layla Reis




Avalie esta notícia: 37 0

Comentários (7)

11/06/2018 19:20:38 SaoPaulinoSP

Isso! Fala mal do Aguirre agora seus corneta bunda mole!

11/06/2018 13:13:21 Aristizabal_94

O time está bem na classificação.
MAS CALMAASA
Falta os piores jogos. Até agora , o único adversário forte foi as PEPPAS. E vocês viram no que deu.
Calma
Muitas calma

Respostas - 1

11/06/2018 14:35:55 caiotfjr

O time do ano passado perdia para adversários fortes e fracos, caso você tenha esquecido. Aliás o time DESTE ANO perdia jogo para time de série D (no paulista). A única coisa que mudou foi o técnico...

11/06/2018 11:53:29 murphy

O São Paulo precisa ganhar mais 7 partidas para afastar qualquer incomodo de cair para segunda divisão. Espero que termine o primeiro turno com 42 pontos o que será excelente.

11/06/2018 11:01:22 Saturnsapturn

ano passado, se não fosse o Hernanes e o Cueva, nós teríamos caído, com o Rogério de técnico e depois o Dorival, foi milagre termos ficado na Série A

11/06/2018 10:56:49 DJTHOMAZ

Comparem com ano passado e reclamem menos e apoiem mais.

11/06/2018 10:31:21 Marcelo Dutra

Parabéns Aguirre pelo trabalho

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.