publicidade

Ataque do São Paulo decepciona no 1º turno do Brasileiro

0 0 0
(Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)

O ataque do São Paulo não foi nada bem no 1º turno do Campeonato Brasileiro. Com 21 gols marcados em 19 jogos, a equipe de Cuca detém a oitava pior marca do torneio empatada com o Corinthians, e a segunda pior marca do clube na era dos pontos corridos.



A situação piora levando em conta o investimento feito pela diretoria tricolor para montar um sistema ofensivo com diversas peças de renome. Pablo, Hernanes, Pato, Raniel e por fim Daniel Alves foram as principais apostas do clube do Morumbi para melhorar o desempenho ofensivo, mas ainda não deram resultado.



LEIA TAMBÉM: Multa para ter Diego Souza contra o São Paulo faz Botafogo desistir do atacante


Confira um raio-x do ataque tricolor:

Falta de eficiência:

O São Paulo é o 10º time que mais chute a gol no Brasileiro mas o 8º que menos acerta na direção da meta adversária, apenas 39,2% das vezes. Das 232 finalizações da equipe de Cuca, só 21 furaram a rede, aproximadamente 9%. Em comparação, o líder Flamengo, que anotou o dobro de gols do Tricolor no torneio, tem média de 44,4% de acerto em direção ao gol, sendo que 16,2% das bolas entraram.

Outra dificuldade da equipe de Cuca é penetrar e finalizar em boas condições e a curta distância. A equipe é, proporcionalmente, a terceira que menos balança as redes em chutes de dentro da área (81% dos gols). O Flamengo por exemplo anotou 90,5% de seus tentos de dentro da área, sendo a equipe que mais finalizou de curta distância.

Ano difícil
Os problemas ofensivos não começaram no Brasileiro. A equipe, que já foi comandada por André Jardine e Vagner Mancini, de forma interina, em 2019, apresentou dificuldades para balançar as redes em toda as competições que disputou. Ao todo, fora apenas 41 tentos em 42 jogos, menos de um por partida.

No Paulista, o São Paulo teve apenas o 5º melhor ataque, com 17 gols em 18 jogos, enquanto na Pré-Libertadores e na Copa do Brasil foi eliminado para Talleres e Bahia, respectivamente, sem conseguir marcar sequer uma vez.

No Brasileiro, o Tricolor só anotou três gols ou mais duas vezes, uma delas em vitória por 3 a 2 contra o Santos no Morumbi.

Estatísticas ajudam a explicar a seca de gols
Apresentando pouco repertório ofensivo, a equipe de Cuca apresenta marcas medíocres no Campeonato Brasileiro em quase todos os fundamentos. A equipe é 10% em posse de bola, acerto de passe, acerto de cruzamento e em dribles certos. A situação é pior no quesito lançamentos, onde o Tricolor é o pior da Série A, com apenas 33,5% de acerto.

Artilheiros em seca
Sem um ataque eficiente, nenhum jogador do São Paulo conseguiu chamar a responsabilidade na frente e anotar um bom número de gols pela equipe na temporada. Os maiores candidatos ao feito, Pablo e Pato, tem cinco gols cada, empatados com Reinaldo na liderança da magra artilharia tricolor. Os atacantes sofreram com lesões neste 1º turno de Brasileiro e ficaram longe das marcas sonhadas pelo torcedor.



Confira o artilheiro de cada time da Série A em 2019:

Athletico-PR – Marco Rubén (10 gols)
Atletico-MG – Ricardo Oliveira (14 gols)
Avaí – Daniel Amori gols (14 gols)
Bahia – Gilberto (25 gols)
Botafogo – Alex Santana (10 gols)
Ceará – Thiago Galhardo e Rodrigo Bueno (10 gols)
Chape – Everaldo (14 gols)
Corinthians -Gustagol (10 gols)
Cruzeiro – Fred (19 gols)
CSA – Patrick Fabiano (9 gols)
Flamengo – Gabigol (30 gols)
Fluminense – Yoni Gonzáles (15 gols)
Fortaleza – Júnior Santos (10 gols)
Goiás – Michael (9 gols)
Grêmio – Everton (16 gols)
Internacional – Guerrero (9 gols)
Palmeiras – Gustavo Scarpa (11 gols)
São Paulo – Reinaldo, Pato e Pablo (5 gols)
Santos – Jean Mota (10 gols)
Vasco – Pikachu e Marrony (6 gols)

São Paulo, Ataque, Tricolor, Decepciona, Turno, Brasileiro, SPFC

VEJA: MAC, Casares e mais dois: Conheça todos os possíveis candidatos a presidência do São Paulo


MAC é pré candidato a presidente! Conmebol divulga data de retorno da Libertadores e grandes testarão jogadores!


E MAIS: Leco infringiu Lei e só não foi afastado por ausência de Ministério do Esporte


Leco pode ser afastado de cargo de presidente do São Paulo por Lei e acúmulo de dívidas


Avalie esta notícia: 2 0

Comentários (9)

Ai em quanto o leco estiver com presidente nem morinho e nem guardiola da jeito

Só recorde negativo puta vergonha

18/09/2019 08:45:18 Coroa Coroa

Se fazer 1 gol por partida ta bom estaria la em cima pq seria só vitórias,empates e derrotas não pode existir

18/09/2019 08:30:31 Wilson Teles

Se considerarmos que os artilheiros estavam no departamento médico, então, melhor dizer que o ataque do SPFC estava todo no Centro Médico do Clube.

18/09/2019 08:30:08 Aureio Felipe

Até o Antony que jogou muito com Mancini foi caindo de rendimento com o Cuca

18/09/2019 08:29:18 Aureio Felipe

Fico vendo esses treinadores estrangeiros chegando e fazendo Santos e Flamengo jogar muita bola... acho que o São Paulo deveria tentar trazer alguem da Europa tbm. Não consigo ver perspectiva de melhora no time do Cuca

18/09/2019 08:24:39 Petobonit zica

Já tem que ir atrás desses cara que estão bem porque depois já era Thiago do Ceará Rony Atlético já vai atrás dos cara

18/09/2019 08:21:22 Kaique Theodoro da Silva

Tem que tentar contratar o Rony ta jogando muito oferece o Hudson, Anderson Martins, Jucilei, Léo Pelé, Helinho por empréstimo

18/09/2019 08:07:05 Diego Tormena

Até o csa tem 9 gols

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.